quarta-feira, 28 de novembro de 2012

Baía Formosa - caminhada de 20 km


No feriado de 15 de novembro, uma grande caminhada na praia de Baía Formosa - no estado do Rio Grande do Norte - para ir conhecer a Lagoa Araraquara, também conhecida como Lagoa da Coca-Cola por suas águas pretas. Longa caminhada de muitas horas e 20 quilômetros no total, ida e volta. O último trecho, quando se sai da praia e entra na Mata Estrela, é todo de areia fofa. 

O trecho de areia fofa pela Mata Estrela que leva até a Lagoa Araraquara.

Farol na praia de Bacopari.

Saindo da praia para entrar na Mata Estrela e na areia fofa.

Dentro da Mata Estrela.

Água preta da Lagoa Araraquara - Rio Grande do Norte.

 Enfrentando a areia fofa da Mata Estrela.

 Enfrentando a areia fofa da Mata Estrela.

terça-feira, 27 de novembro de 2012

Caminhada em Baía Formosa - Rio Grande do Norte


No feriado de 15 de novembro, fizemos uma longa caminhada de vinte quilômetros em Baía Formosa, pela praia e pela mata, para conhecer a Lagoa Araraquara, também chamada de Lagoa da Coca-Cola por suas águas pretas.

domingo, 25 de novembro de 2012

Pedal de domingo


Passeio de domingo em Recife com o Pedal Clube de Pernambuco. Saindo e chegando do Parque da Jaqueira, fizemos 55 km com duas paradas breves, uma no posto de gasolina perto do aeroporto e outra na praia de Boa Viagem. Ao final, degustação de cachaça com abacaxi e melancia.




sábado, 24 de novembro de 2012

Trilha pesada com o Prof. Piauí


Trilha pesadíssima guiada por Piauí na região metropolitana do Recife, com a participação de Paulo Rafael, Macelo e Darlan. Nos encontramos às seis e trinta da manhã na universidade rural e seguimos por Brennand, Camaragibe, São Lourenço da Mata e voltando por Aldeia. Para mim, no mínimo umas quatro ladeiras impossíveis de subir. Somente uma queda, a minha mesmo em uma descida esburacada. Total pedalado: 62 km.

Atravessando o Rio Capibaribe



sexta-feira, 23 de novembro de 2012

Estação do metrô de Recife


Durante a pedalada de quinta-feira à noite, tivemos três pneus furados em sequência. Um dos pneus furou quase em frente a Estação Largo da Paz do metrô de Recife - pelo lado da Travessa Francisco Silveira, não pelo lado da Avenida Sul. Aproveitei para fazer esta foto noturna.

domingo, 11 de novembro de 2012

Fritada em Maria Farinha - 60 km


Céu azul, sol forte, e pedalamos 60 km ida e volta para comer fritada na praia de Maria Farinha. Fritada de aratu, de polvo e de camarão. Saímos às sete da manhã e retornamos ao Parque da Jaqueira às onze e meia. Na ida, o pneu de Menino Lindo estourou, remendamos, mas o jeito foi conseguir uma bicicleta emprestada com Aurino. Depois da fritada, a volta para a Jaqueira. Na Jaqueira, a tradicional maminha e a picanha.








sábado, 10 de novembro de 2012

Pedal de quinta-feira - 49 km


Pedalada na noite de quinta-feira em Recife, 49 km em um ritmo bastante rápido, velocidade média de 23 km/h. Depois do pedal, FF, final feliz.


quarta-feira, 7 de novembro de 2012

Pedal de terça-feira - 43 km


Pedal na noite de terça-feira em Recife, 43 km, saindo e voltando para a Praça Fleming.



domingo, 4 de novembro de 2012

Mandacaru - Uruçu-Mirim - Sairé - 65 km


Feriado nacional, mais uma boa pedalada no sábado, 3/11. Saímos da Pousada Arca de Noé - que fica entre as cidades de Gravatá e Bezerros - seguimos na direção de Gravatá pelo acostamento da BR-232 e logo entramos na estrada de barro com muitas subidas. Com 14 km pedalados, chegamos ao povoado de Mandacaru. Nos abastecemos de água e seguimos, sempre com muitas subidas e poucas descidas. Com 26 km de pedal, chegamos ao povoado de Uruçu-Mirim. 

Lá, aproveitamos para comer algo e encher garrafas e camel back. Seguimos então por uma estrada muito legal, bonita, com descidas e trechos planos. Chegamos à cidade de Sairé, Terra da Laranja. Para chegar ao centro de Sairé, é necessário enfrentar uma enorme subida. Saímos de Saíré pela rodovia PE-109 até a PE-103, e logo chegamos à enorme descida que leva até a cidade de Bezerros. Por fim, voltamos para a pousada pela BR-232. Distância total de 65 km. Uma excelente pedalada em uma região que tem muitos outros caminhos para se descobrir.




sexta-feira, 2 de novembro de 2012

Serra Negra e Caverna do Deda - 43 km


Graças a Macelo Venceslau que reuniu o grupo, nos juntamos para passar o feriado em uma pousada que fica entre as cidades de Bezerros e Gravatá, Pernambuco. Chegamos na quinta-feira à noite e hoje, sexta 2/11, depois do café da manhã, fizemos o primeiro passeio de bicicleta. 

Saímos da pousada e seguimos pelo acostamento da BR-232 na direção de Bezerros. Entramos na estrada que vai para Ameixas e logo chegamos ao trecho de estrada de barro que vai para a Serra Negra. Fizemos a longa subida e antes de chegar na vila, entramos na estradinha que vai para a Caverna do Deda. As subidas ficam mais íngremes neste trecho.

Chegamos à propriedade em que fica a caverna, entramos e logo subimos até a entrada da caverna. O dono do lugar nos guiou até o topo da imensa pedra, passando por dentro da caverna. No topo, a 1.020 m de altitude, se tem a visão de toda a região e das cidades próximas. Depois de um tempo admirando a paisagem, descemos, pegamos as bicicletas e fomos até o Bar da Caverna onde tomamos umas cervejas, água, refrigerantes.

De lá, iniciamos a volta para Bezerros, na maior parte em descida e depois pegamos a BR-232, retornando à pousada.